>Onde era a Terra-Média [tradução de texto]

>[o texto a seguir foi retirado do site: , e gentilmente traduzido pela enTocada Fimbrethil

ao repassar, não se esqueça dos créditos]
———
Onde era da Terra-Média

Terra Média, a mitologia inventada por J.R.R. Tolkien centrada numa história épica da luta entre o Bem e o Mal, mas também incluem um pano de fundo elaborado: um complexo de línguas, genealogias, culturas e povos – e um mapa.

Criado por Tolkiena na década de 1930, o mapa mostra as ‘Terras Mortais’ da Terra Média, que de acordo com o próprio Tolkien é parte da nossa própria Terra, mas numa era mítica prévia. Na ´rpoca dos eventos descritos em ‘O Hobit’ e ‘O Senhor dos Anéis’, a Terra Média está chegando ao fim da sua Terceira Era, cerca de 6.000 anos atrás.

Tolkien não criou a Terra Média do nada: mitos germânicos antigos dividem o universo em nove mundos, habitados por elfos, anões, gigantes, etc. O mundo dos homens é o do meio, chmado Midgard, Middenheim ou Middle-earth (Terra Média). Esse termo então não descreve a totalidade do mundo que Tolkien inventou. O termo correto para o mundo total é Arda – provavelmente derivado do Aelmão Erde (‘Terra’) e apenas mencionado postumamente no Silmarillion (1977); e Eä (para o Universo).

Os Hobbit são descritos como habitando ‘o nordeste do Velho Mundo, a leste do mar’, e por essa razão, é tentador associar seu lar com o de Tolkien, a Inglaterra. Ainda assim, o próprio Tolkien escreveu que ‘quanto à forma do mundo na Terceira Era, eu receio que ele tenha sido imaginado ‘dramaticamente’, mais do que geologicamente, ou paleontologicamente’. Em outro lugar, Tolkien admite que o ‘Condado’ é baseado na Inglaterra rural, e não em nenhum outro país do mundo.’

Tolkien ao menos compara o ‘Velho Mundo’ com a Europa : ‘a ação da história acontece no nordeste da Terra Média’, equivalente em latitude com as terras costeiras da Europa e as margens norte do Mediterrâneo(…) se Hobbiton e Valfenda forem considerados (como pretendido) na lattude aproximada de Oxford, então Minas Tirith, 600 milhas ao sul, está aproximadamente na latitude de Florença. A foz do anduin e a antiga cidade de Pelargir estão aproximadamente na latitude da antiga cidade de Tróia.’

Mas, como Tolkien declara no prólogo de ‘O Senhor dos Anéis’, seria infrutífero procurar correspondências geográficas, pois ‘Aqueles dias, a Terceira Era da Terra Média, se passaram há muito, e a forma de todas as terras mudaram…’ E ainda assim, foi exatamente isso que Peter Bird, professor de Geofísica e Geologia na UCLA tentou fazer. Ele sobrepôs o mapa da Terra Média com um da Europa, o que levou às seguintes localidades:

Condado é o sudeste da Inglaterra, que um pouco ao norte também abriga a Floresta Velha (Yorkshire?), as colinas dos túmulos (norte da Inglaterra), a cidade de Bri (em ou perto de Newcastle-upon-Tyne) e Amon Sul, o topo dos ventos (as Highlands escocesas).

Os Portos Cinzentos são a Irlanda.

Eriador corresponde à Bretanha.

O abismo de Helm está perto da fronteira Franco-Suíça, perto da cidade da Basiléia.

A cadeia de montanhas das Ered Nimrais corresponde aos Alpes.

Gondor corresponde às planícies Italianas do Norte, estendidas até o mar Adriático não submerso.

Mordor está situada na Transilvânia, com o Monte da Perdição na Romênia (provavelmente). Minas Morgul na Hungria (aproximadamente) e Minas Tirith na Áustria (mais ou menos).

Rohan está no Sul da Alemanha, com Edoras aos pés dos Alpes bávaros. Também na Alemanha, mas ao norte, perto da atual Hamburgo, está Isengard. Aí perto a floresta de Fangorn.

Ao norte está a Floresta das Trevas, mais ao leste estão Rhovanion e os ermos do Rhûn, perto dos Urais.

O mar de Rhûn corresponde ao Mar Negro.

Khand é a Turquia.

Haradwaith é a parte leste do Norte da África, Umbar corresponde ao Maghreb, a parte oeste do norte da África.

A baía de Belfalas corresponde à parte ocidental do Mediterrâneo.

Speak Your Mind

*